Archive for febrero, 2009

GeneXus no Brasil

miércoles, febrero 18th, 2009

Querendo tirar uma radiografia do Mercado de trabalho de GeneXus no Brasil, é impossível fazer algo sem antes começar pelas redes sociais. Orkut, sem lugar a dúvidas é o lugar de encontro das maiores comunidades, outro gigante como Facebook é muito pouco conhecido aqui no Brasil. Existem várias comunidades de GeneXus no Orkut, que muitas delas são sub-comunidades da maior que tem 600 membros.

Ontem, coloquei uma Enquete para pesquisar como é contratado o profissional de GeneXus no Brasil. Esta é o primeiro de outro estudos que quero fazer para ter e publicar certos padrões de GeneXus no mercado de trabalho, no que respeita aos profissionais no Brasil.

Conto com o apoio dos leitores para conseguir informação útil.

Pode acessar ao enquete seguindo este link

Enquete

Muito obrigado.

Fabricio De los Santos
Gerência de Projetos – Consultoria GeneXus –
ERP – Sistemas de Missão Crítica – Bancos de Dados.

Veja meus blogs em:
www.fabriciodelossantos.com

Motivação, quando é melhor ficar calado

domingo, febrero 15th, 2009

Ontem cheguei de uma viagem ida por volta a Montevideu.
Sai com meus filhos de Congonhas as 20.40 da sexta-feira com conexão em Porto Alegre chegando a Montevideu 2 a.m.
Para minha surpresa tudo funcionando na perfeição, com os horários em regra.
Só aguardei 4 horas em Carrasco, o que foi muito rápido porque descobri que pouco depois das 3.30 a.m. já estão fazendo o checkín.

Sigo um novo blog de Nelson Rosamilha que começou a postar nestes dias, onde ele fazia uma pergunta de motivação, no qual fiz meu comentários mas, ficou na minha cabeça essa pergunta. Quando entrei no Sanitário em Porto Alegre, encontrei um piloto de avião lavando a cara, sabe lembrei quando algumas vezes tenho que fazer uma parada na estrada para “acordar um pouco”, bem, não tenho costume de dirigir por muitas horas, por isso me bate o sono fácil, e essa imagem que vi, foi a mesma, só que era de um piloto de avião.

Nesse momento tive vontade de perguntar para o piloto, qual era a motivação dele de fazer esse trabalho dia a dia, durante vários anos, realmente queria saber que era o que o motivava fazer a mesma coisa sempre, e pensei, vou deixar pra la, não seja coisa que o cara não tenha a resposta ou nunca se fez essa pergunta, e comece a se questionar no meio do voo e se acabe desmotivando na viagem, protagonizando um acidente por minha culpa. Então fiquei com essa dúvida, era mais seguro para todos.

Uma hora mais tarde estava comendo o lanche do avião, aparentemente um momento sossegado do voo, quando o casualidade.
Adivinhem quem vi entrar no banheiro?
O mesmo piloto que tinha visto no sanitário!!!

Moral da história, tem vezes que é melhor nem perguntar! ou tal vez não em qualquer lugar.
Tomara que tenha a oportunidade em outro momento fora dos aeroportos de fazer essa pergunta algum piloto comercial.

Fabricio De los Santos
Gerência de Projetos – Consultoria GeneXus –
ERP – Sistemas de Missão Crítica – Bancos de Dados.

Veja meus blogs em:
www.fabriciodelossantos.com